domingo, 16 de agosto de 2009

Looser

Eu perdi o prumo
a linha
o dom com as palavras
mais bonitas
as deixei nas sarjetas
outra vez,
toda a esperança sorrateira
os sonhos inebriantes
decaíram como heróis que nunca existiram
e a lucidez catastrófica
reapareceu
por detrás desse verniz falso
“o teu nome é caretice”
e às vezes é fluoxetina
e tantas outras drogas
pra gente morrer e continuar vivendo
e agora que eu morri, desejo viver
e morrer, morrendo
i´m so confused, baby
whispering
take care...
please
é o preço da escolha