quinta-feira, 24 de setembro de 2009

ESTANQUE

Veja bem, eu quero culpar o mundo por essa dor, que nem 400 mgs de carbamazepina conseguem contornar. Eu quero dizer que é esse tempo estranho, sem sol e sem ar, que gela meus ossos, apesar do casaco quente, bonito e caro que uso. Sim, eu quero te arrastar junto para o meu buraco, só porque você meu ouve tão compenetrado nessas horas. Então eu disse "mamãe, somente essa vez, me ame!". Ela virou as costas e atendeu o telefone, e eu enfiei um garfo na perna e só consegui dormir quando o sangue estancou. "Você me acha louca?" Nunca ousei perguntar, eu fico com isso entalado na garganta, e grito baixo, xingo alto, ando rápido, tomo café e sorrio de uma forma debochada para as pessoas na rua.

Essas novidades tão modernas só me fazem descrer ainda mais na raça humana e na sua salvação, daí eu entro na igreja bonita da praça da Liberdade - parece uma gruta perdida - e lá olho aquele Cristo sofrendo e só posso dizer "Hey cara, isso vale tanto a pena assim?" E, claro, ele não responde, nem responderá, apenas sangra. Eu fico com raiva e coloco o ipod no talo, até não ouvir sequer mais um som do mundo, e fico imersa naquela dor que é revolta, medo, indignação e, sobretudo, um amor tão grande que não tem colo para chorar e se aninhar.

Daí eu, sei lá, nem sei como escrever essas coisas que somente a alma vive. Eu sei que sinto saudades de algumas pessoas, mas elas já morreram. Fazem parte das cinzas que depositei no mausoléu das lembranças desnecessárias. E eu até gosto disso. Estou livre demais. Só espero saber o quê fazer dela agora.

Alguma sabedoria devo ter adquirido na caminhada até aqui.

Olho ao meu redor, praça da Sé, 18:30. Os sinos tocaram e um dia já é findo. Eu quero sentar nessa escada e perguntar para o cego pinguço se tudo ficará bem.

5 comentários:

suturasoturna disse...

toc.toc

com certeza nada vai ficar bem! mas q pode deixar de ficar mal, pode!

kbça, te mandei um email, avisando que eu voltei, c sumiu? ou nao recebeu?

Fernanda Sbragia disse...

Bianca, adorei seu motel, vou frequentar sempre. Hot! Rs.

Quero ver você vestindo as peças.

Beijos montes,
FERNANDASBRAGIA

minicontosperversos disse...

Inveja branca da tua narrativa. Tiomei a liberdade de divulgar.

Lelli Ramz disse...

uia... e eu cheguei através da divulgação do Gustavo Martins....


hehe bjinhus, invejas e divulgações


Lelli
jah t seguindo

r.m. disse...

do caraleo, como se diz,